Livro Vamos Escalar!

Técnicas e dicas para guia de cordada

A proposta desse livro é orientar com segurança aqueles que, em busca de evolução e aperfeiçoamento, lançam-se no fascinante mundo do guia de escalada.

Por isso, é totalmente dedicado às técnicas de guiada. Nele o escalador encontrará várias informações importantes para se tornar um guia desde o manejo da corda, os nós, o material, as diferentes ancoragens entre outros assuntos.

Como é um livro descomplicado que vai direto ao assunto, explicando cada passo do processo, também pode ser lido por escaladores iniciantes, dando base para guiar em um futuro não tão distante.

O leitor também encontrará um capítulo sobre a geologia nos locais de escalada e outro sobre noções básicas de orientação no ambiente natural.

Autores: Eny Hertz, Patrícia Duffles e André Costa

Páginas: 92

O livro é inteiramente grátis, basta clicar no botão abaixo para baixá-lo em formato PDF.

Capa Vamos Escalar 3D


Download “Livro Vamos Escalar!” Vamos-escalar-Técnicas-e-dicas-para-guia-de-cordada.pdf – Baixado 3650 vezes – 7 MB

Mas se quiser contribuir com o trabalho de produção, considere fazer uma doação através do nosso PagSeguro. Obrigado!

R$ 5
Pague com PagSeguro - é rápido, grátis e seguro!

R$ 10
Pague com PagSeguro - é rápido, grátis e seguro!

R$ 20
Pague com PagSeguro - é rápido, grátis e seguro!

R$ 50
Pague com PagSeguro - é rápido, grátis e seguro!

Se encontrar algum erro, de qualquer natureza, por favor, nos avise clicando aqui.

19 comentários em “Livro Vamos Escalar!”

  1. Olá! Li o livro “Vamos Escalar”. Muito bacana, bem completo. Recebi a divulgação em um Gp Whats onde dizia para que se encontrasse algum erro, era para avisar pelo site.
    O nó Pescador Duplo é utilizado para unir cordas de mesmo diâmetro ou para arrematar outros nós. O Nó para unir cordas de diâmetros diferentes é o Escota Simples ou Escota Dupla.

  2. Livro lindo, cheio de ilustrações, detalhado, gostoso de ler. Vamos dar um apoio com doações para continuar este ótimo trabalho.
    Parabéns aos(a) autores(as)

  3. Bela iniciativa!

    Há um erro na formula do fator de queda.
    Esta como: “dividida pelo comprimento da corda”
    O certo é: “dividida pelo comprimento da corda ativa”
    Corda ativa é o “pedaço” que, efetivamente, irá deter a queda do guia.

    E no terceiro desenho (FQ = 1) o certo é FQ = 0 porque, no caso, o guia caiu no solo, a corda não deteve a queda.

    Notei também a falta de instruções de como o segurador pode ajudar a reduzir o fator da queda.

    1. Ótimas colocações. Nem sempre o que escrevemos fica claro como imaginamos.
      Estamos coletando as sugestões de correções para a próxima versão.

  4. Parabens pela iniciativa, precisamos mais trabalhos como este. Excelente.

    Achei um problema na referência na página 68, sobre o estudo do Márcio
    Moreira e do Claudney Neves, http://celight.org.br/boletim/Papo_de_Montanha_2014_Nov_Extra.pdf, este endereço não existe mais.

    No mais, obrigado pelo livro. Excelente ideia de deixar a contribuição por conta do usuário, permite que cada um faça uma contribuição compatível com sua situação financeira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *